sexta-feira, 15 de janeiro de 2010

Ingratidão

Fico assistindo reportagens que mostram tragédias
Tragédias em escala regional, nacional e mundial
Tragédias que nos fazem refletir no que somos
Quem somos e o que podemos fazer pra ajudar

Nossos corações ficam quebrantados diante disso
Ficamos sentidos com tudo o que vimos
A tristeza começa a rondar nosso Ser
E aí? O que podemos fazer para ajudar?

Não quero ser demagogo e muito menos pessimista
Mas ainda há uma minoria de seres humanos
Que não podem ser denominados como seres humanos
Nem tampouco ser denominados como animais

Pois tem alguns animais que são fiéis e amigos do Homem
E a cada dia que passa, eu vejo mais desumanidade
Vejo que a ingratidão vem imperando no mundo
E observo que estamos caminhando pro fim

Um fim não tão longe e sim bem próximo
Pergunto-me se devo continuar ajudando o próximo
Mesmo sabendo que a ingratidão baterá a minha porta
E sei que não posso generalizar que todos que eu ajudar serão ingratos

Porém, bate um sentimento de revolta
Bate um sentimento de fracasso
Onde parece que você não conseguiu completar a prova
Prova essa, que é de apenas ajudar ao próximo

Quero continuar ajudando
Mas Deus, me dê forças para continuar
Ainda há pessoas que precisam de mim
Ajuda-me Deus, ajuda-me!

(Inspirado no cotidiano da minha vida. Peço desculpa aos meus amigos leitores, pois sei que aqui vocês encontraram até hoje, apenas poemas de alto astral ou críticas. Desculpem-me, mas hoje preciso expressar meus sentimentos...)

14 comentários:

  1. Esse menino é o nossa grande Poeta do futuro rs! xD

    ResponderExcluir
  2. boa velho!tem mt gente ingrata ai!

    ResponderExcluir
  3. Nossa, muito bonito... E verdadeiro demais.
    Realmente é ruim vermos que ajuda é muito bem vinda, mas o depois não nos agrada muito. Pessoas que são ajudadas poucas vezes nos deixam felizes depois. Não pedimos ajuda em troca, mas um pouco de agradecimento. Mesmo que seja o mais simples, um sorriso, talvez.
    Nem isso querem fazer agora.
    Espero que dê tudo certo em sua vida. E vamos ajudar sem esperar pela 'recompensa'.
    Beijos :*

    ResponderExcluir
  4. A coisa mais bonita da poesia é que ela é capaz de expressar o que mais íntimo dentro de nós. Que possamos ser exemplo, ser sal e luz nesse mundo. Tenhamos esperança para que a solidariedade e a humanidade despertem dentro de cada um. Amém.

    ResponderExcluir
  5. Lindo!!!
    Vc tem razão.

    ResponderExcluir
  6. Parabéns!!!!
    Não sabia que você tinha esse lindo dom!!!!
    É um poema muito lindo!!

    ResponderExcluir
  7. que isso, heim Showza! suer popular nas escrituras! hahaha parabéns!

    ResponderExcluir
  8. concordo com vc. poema mt verdadeiro. espero q mesmo com a ingratidão, sempre possamos continuar a ajudar o proximo.

    ResponderExcluir
  9. stella sempre fã do Souza... Vc tem que escrever um poema pra ela! hehe xD

    ResponderExcluir